<$BlogRSDUrl$>

sexta-feira, novembro 07, 2003

Furar o silêncio (2) 

Continuo a procurar ouvir o Espírito Santo através das palavras de outros crentes. Vejam o que escreveu Edith Stein, cidadã alemã, nascida judia em 1891, baptizada em 1922, freira carmelita em 1935, doutorada em Filosofia, morta nas câmaras de gás de Auschwitz em 1942, Santa Teresa Benedita da Cruz desde 1998. Costumava dizer: "só entende a transcendência da Cruz quem a transporta consigo". Escutemo-la então:

Espírito Santo, ó doce luz,
Que me envolves
E iluminas as trevas do meu coração
Tu guias-me como a mão de uma mãe.
Tu és o círculo que me circunda
E me encerra em si.
Separada de Ti eu cairia no abismo do Nada
Do qual me elevaste até ao Ser
Estais mais perto de mim
Do que eu de mim mesma.
Mas ainda assim és inacessível
E incompreensível.
Nenhum nome te pode conter,
Espírito Santo, Amor Eterno.



This page is powered by Blogger. Isn't yours?