<$BlogRSDUrl$>

sexta-feira, outubro 01, 2004

Olá, cá estou eu 

Εισ-με ρεγρεσσαδο, ou escrevendo em língua de gente, eis-me regressado. De Atenas, lembram-se? E em boa hora, pois embora não saiba como é o resto da Grécia, Atenas é um assim um bocado..., como diria o imortal Alpedrinha do Eça de Queiroz, Atenas é "pior que Braga". Melhor dizendo, é uma espécie de enorme Armação de Pera, mas com a Acrópole no meio. E deixa marcas: por exemplo o meu computador veio infectado com três “cavalos de tróia” detectados ontem já aqui pelo Norton. O Agamémnon, lá de onde estiver, deve orgulhar-se todo pelo facto da sua táctica se ter transformado numa tradição ainda hoje praticada com tanto engenho. Raios partam o miceno...
Mas mudemos de tom pois isto é um blogue sério. Ao chegar à Portela, vinha já com a habitual sensação de que “nada melhor que o nosso Portugalzinho”, sensação essa que perdura pelo menos por 12 horas. O que perdura mais, felizmente, é a sensação de chegar a casa e ser esperado pela minha mulher e pelos meus filhos, em vez de, como o tal Agamémnon, ter de enfrentar a insuportável Clitemnestra e os estranhos Orestes e Electra. Bem feito para ele. Lá em minha casa somos todos muito mais amigos uns dos outros!
Agora o que também deu muito prazer foi verificar que efectivamente, indubitavelmente, inquestionavelmente, inequivocamente, não há terra como a nossa. Pois vejo que na minha ausência os meus estimados conterrâneos estiveram todos eles em grande estilo. E quero dizer isto publicamente: eles escreveram lá coisas extrordinárias, que me fizeram pensar e hão-de me fazer escrever por aqui. Assim haja tempo.


This page is powered by Blogger. Isn't yours?